A economia brasileira ficou estagnada no primeiro trimestre deste ano, período que o país começou a ser governado por Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o PIB (Produto Interno Bruto, soma das riquezas do país) caiu 0,1% no primeiro trimestre em relação aos últimos três meses de 2002. Já na comparação com o primeiro trimestre do ano passado, quando a economia dava sinais de fraqueza e o Brasil sofria com os efeitos da crise argentina e vivia o final do período de racionamento de energia, houve crescimento de 2%. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)