Um grupo de pesquisa em equipamentos de navegação poderá ser criado no Ministério da Ciência e Tecnologia para responder à necessidade de modernização do sistema de controle aéreo. "Podemos desenvolver o mesmo tipo de trabalho técnico que fizemos para a TV digital", comparou o ministro da Ciência e Tecnologia, Sergio Rezende. Na avaliação do ministro, sua pasta "pode ajudar e muito" a trazer soluções para a crise no setor.

"Precisamos aumentar nossa capacidade de produzir hardware, de fabricar chips em vários segmentos, inclusive neste setor", defendeu. Segundo o ministro, nos últimos 20 anos o Brasil manteve uma política de baixo investimento nesse tipo de tecnologia. "Desenvolvemos bem software, mas não hardware", resumiu.

A necessidade de renovação dos equipamentos utilizados hoje nas centrais de controle aéreo e nos torres dos aeroportos vem sendo defendida pelos profissionais da área. Na sexta-feira passada, ao se amotinarem, os controladores aéreos divulgaram um manifesto em que afirmaram não confiar em seus equipamentos. Durante os últimos seis meses, várias panes ocorreram no sistema. A separação entre controladores civis e militares deve exigir ainda a compra de novos equipamentos.