Por fingirem estar armados, dois assaltantes de ônibus frustraram sua empreitada e foram dominados por passageiros hoje na zona sul da capital paulista. A dupla entrou na linha 6500 (Terminal Santo Amaro/Terminal Bandeiras) da empresa VIP, já cheia de passageiros, às 2h30. Um dos criminosos anunciou o assalto usando a velha estratégia de colocar uma das mãos sob a camisa para simular estar armado.

O coletivo já havia passado pelo Viaduto Santo Amaro, sobre a Avenida dos Bandeirantes, na região de Moema, no momento em que a dupla exigiu que o motorista parasse o ônibus, de cuja catraca foram roubados R$ 120. O cobrador, Vicente Alves dos Santos Filho, antes de entregar o dinheiro, levou dois tapas no rosto. "Eu até ia revidar, mas não deu", desabafou o cobrador, que desistiu de ‘dar o troco com a mesma moeda’ ao ver o assaltante levar a mão à cintura.

Os passageiros desconfiaram de que os criminosos não estavam armados e alguns deles seguiram a dupla assim que desceu do ônibus. Eles dominaram um dos assaltantes – Fábio Siqueira da Silva – e depois acionaram policiais militares do 12º Batalhão. O outro bandido fugiu. O caso foi encaminhado ao 27º Distrito Policial, do Campo Belo, e depois foi transferido para o 17º Distrito Policial, do Ipiranga.