Foto: Daniel Derevecki

Automóvel no acostamento foi atingido na simulação.

Os motoristas que passaram ontem pela BR-277, no trecho entre Curitiba e Paranaguá, encontraram o trânsito em meia pista na altura do quilômetro 16, do começo da manhã até o início da tarde. No local, a concessionária Ecovia Caminhos do Mar realizou um exercício simulado de ocorrência de acidente envolvendo múltiplas vítimas.

O cenário mostrava um ônibus tombado às margens da rodovia após ter sofrido colisão com um caminhão de transporte de soja, além de um automóvel atingido e parado no acostamento. No total, foram simuladas dezesseis vítimas. Treze eram passageiras do ônibus.

O acidente fictício ocorreu às 10h. Minutos depois, foram acionados Corpo de Bombeiros, Ecovia, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Defesa Civil e hospitais de municípios vizinhos. Foram enviadas ao local diversas viaturas. A PRF também esteve presente com um helicóptero. ?A simulação é um treinamento realizado dentro de conceitos internacionais para atendimento de acidentes com múltiplas vítimas. Diante da ocorrência, o trabalho consiste em evitar novos acidentes, identificar a gravidade de ferimentos das vítimas e removê-las com segurança. Em situações reais, a margem de erro deve ser mínima, pois há diversas vidas em jogo?, comentou o chefe de operações da PRF, Gilson Cortiano.

Simulações como a de ontem são realizadas periodicamente. Segundo o diretor-superintendente da Ecovia, Evandro Couto Viana, os exercício contribuem para que, em acidentes verdadeiros, as equipes de atendimento estejam mais preparadas.