enkontra.com
Fechar busca

Paraná

Servidores do HC retornam ao trabalho na segunda

Medida garantirá aos pacientes não atendidos a prioridade de remarcação

  • Por Cláudia Palaci

A rotina no Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná deverá voltar ao normal, a partir de segunda-feira, data prevista para o retorno das atividades dos servidores técnico-administrativos lotados na unidade, conforme resultado de assembleia realizada na terça-feira. Segundo a diretora de Assistência do HC, Mariângela Honório Pedrozo, um plano emergencial garantirá aos pacientes não atendidos no período de paralisação a prioridade de remarcação de consultas e exames. O HC deverá divulgar amanhã, no site www.hc.ufpr.br, como funcionará o agendamento. “Os próximos 30 dias serão exclusivos para esta demanda, após este tempo reabriremos a agenda para novos casos”, afirma Mariângela.

Porta na cara

Desde o início da suspensão das atividades dos servidores, em 11 de junho, as consultas médicas de 23.367 pacientes foram comprometidas por falta de exames – queda de 43% no atendimento. A ocupação de leitos caiu aproximadamente 30% (100 unidades). Somente na UTI quatro leitos foram bloqueados pela greve. A não realização de exames laboratoriais e ambulatoriais, como raios-x e ultrassons, prejudicaram 34.300 pacientes. A Unidade de Transplante de Medula Óssea (TMO) foi um dos setores mais atingidos pela greve. Mais de 30 adultos e 25 crianças aguardam na fila para a cirurgia. Apenas oito dos 23 leitos designados para o TMO estão em funcionamento.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas