enkontra.com
Fechar busca

Paraná

Rodovias

Pedido de Cida Borghetti pra reduzir tarifa do pedágio é negado pela Justiça

Foto: Felipe Rosa

O juiz Friedmann Anderson Wendpap, da 1ª Vara Federal de Curitiba, negou, na noite desta terça-feira (9), o pedido feito pelo governo do Paraná para que as tarifas de pedágio praticadas no Anel de Integração fossem imediatamente reduzidas em até 50%. O magistrado considerou que as denúncias sobre irregularidades no sistema de cobrança são bem graves, mas estão sendo avaliadas em outros processos judiciais, e que a administração estadual não conseguiu apresentar critérios técnicos para embasar a redução imediata das tarifas.

Wendpap destacou que uma atitude provisória neste momento poderia acarretar ainda mais prejuízos a serem questionados pelas concessionárias de rodovias – e que ainda há três anos de contrato pela frente, sem nenhum indício de que as empresas não teriam condições financeiras de arcar com eventuais ressarcimentos.

+Leia mais: Propina dos pedágios era paga em sala secreta; veja detalhes de como era o esquema!

A ação judicial foi proposta pela gestão Cida Borghetti (PP) uma semana antes da eleição para o governo do Paraná – na sequência, a administração estadual anunciou uma intervenção nas seis concessionárias, escolhendo policiais militares aposentados para entrar nas empresas e garantir acesso a documentos. Para o magistrado que analisou o pedido de redução das tarifas, o termo intervenção deve ser substituído por inspeção.

A decisão de não reduzir imediatamente as tarifas de pedágio não significa negar que irregularidades podem ter sido praticadas pelas concessionárias. O juiz enfatiza, contudo, que são necessários cálculos e valores objetivos, para que uma eventual decisão seja tomada. Entretanto, a investigação feita pela Lava Jato ainda está em andamento, sem precisar quanto teria sido superfaturado ou mensurar, em valores finais, o tamanho do prejuízo para quem usa as rodovias pedagiadas do Paraná.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Eleitores que votaram armados são alvo de operação da PF, inclusive no Paraná

 

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

7 Comentários em "Pedido de Cida Borghetti pra reduzir tarifa do pedágio é negado pela Justiça"


Lutador Antifascista
Lutador Antifascista
10 meses 13 dias atrás

Querendo aparecer “Querida”? Agora é tarde demais!… kkkkkkkkk

Denival Jeter Guimarães
Denival Jeter Guimarães
10 meses 13 dias atrás

Só cumprindo tabela, já está acertado, tudo na mesma máfia e o mesmo grupo se aproveitando do povo paranaense por mais 50 anos.

João Silva
João Silva
10 meses 13 dias atrás

Ih Cidinha, não deu!

Tsáh La
Tsáh La
10 meses 14 dias atrás

Eu faço o laudo, é bem fácil. Pista simples, valor 5x mais se comparada com a 376 PR/SC, o que mais, pouco investimento no período todo, se houve foi em campanha, querem mais argumentos? Para baixar tem que pedir ao PCC, são eles que mandam e não o judiciário. O baixa ou explode! simples assim.

Tiago Ribas
Tiago Ribas
10 meses 14 dias atrás

Argumento estranho do Juizinho recebedor de auxilio moradia! Vamos continuar pagando por algo que esta irregular, vergonha!

Lutador Antifascista
Lutador Antifascista
10 meses 13 dias atrás

Não adianta comentar se é ignorante no assunto, se um juiz ver que existem outros processos sobre o mesmo assunto e que este processos estão sendo avaliados em outras varas, ele pode se negar a tomar decisão pois qualquer ação dele pode ser derrubada. Infelizmente para nós é judicialmente correto!

Tiago Ribas
Tiago Ribas
10 meses 13 dias atrás

Enquanto isso, vamos continuar pagando por algo irregular. Viva a ignorância!

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas