enkontra.com
Fechar busca

Paraná

Matrículas

Escolas públicas de Curitiba ainda têm 27 mil vagas

Ensino infantil e fundamental da rede municipal de educação ainda tem muitas vagas à disposição. Matriculas seguem até 12 de fevereiro

  • Por Redação / Tribuna do Paraná
Foto: Pixabay

Os mais de 127 mil estudantes que já estão matriculados na rede pública de ensino de Curitiba terão as aulas e atividades iniciadas no dia 15 de fevereiro. Mesmo assim, cerca de 27 mil vagas ainda estão disponíveis para crianças que não se inscreveram para as turmas de educação infantil e ensino fundamental.

Os pais e responsáveis podem ir à unidade de interesse até o dia 12 de fevereiro para realizar a matrícula, onde o atendimento acontece de segunda à sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 17h. Nos casos em que a capacidade da escola ou do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) já esteja completa, as famílias serão orientadas e encaminhadas para outras unidades da região.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Para realizar a matrícula, é preciso levar certidão de nascimento da criança, carteira de vacinação e cartão do Sistema Único de Saúde (que podem ser feitos nas Unidades de Saúde), Registro Geral (RG) e Cadastro de Pessoa Física (CPF) do responsável pela criança, além de um comprovante de residência – que pode ser uma fatura da Copel, que precisa estar em nome do responsável pela matrícula. Os estudantes do ensino fundamental que vieram de outras cidades ou estados precisarão apresentar o histórico escolar. É obrigatória a apresentação das vias originais e das cópias de todos os documentos.

A solicitação de vaga para crianças de 0 a 3 anos pode ser feita a qualquer momento no CMEI mais próximo de casa. As novas matrículas para essa faixa etária acontecerão em fevereiro e março. A partir de 12 de fevereiro serão realizadas as visitas às famílias que solicitaram as vagas, para posterior efetivação das matrículas. A superintendência de gestão escolar da Secretaria Municipal da Educação alerta as famílias sobre a obrigatoriedade da matrícula, conforme determina a Emenda Constitucional 59, de 11 de novembro de 2009, e a Lei Federal nº 12.796, de abril de 2013.

Lombada eletrônica é limpa após denúncia da Tribuna

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

1 Comentário em "Escolas públicas de Curitiba ainda têm 27 mil vagas"


Tiago Ribas
Tiago Ribas
2 meses 15 dias atrás

Matricular um filho em escola pública é pior do que deixar em casa sem estudar, não façam isso com o seu filho!

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas