A Praça Santos Andrade, no Centro de Curitiba, foi tomada por professores da rede estadual de ensino na manhã desta quinta-feira (30). Eles participam de um dia de mobilizações em prol da categoria, denominado Dia de Luto e de Luta, e ainda relembram o dia 30 de agosto de 1988, quando a categoria foi reprimida pela Polícia Militar.

Paralelamente, no final desta manhã, a APP-Sindicato, entidade que representa os professores, terá reunião com o governo do Estado. A categoria quer saber quando que o governo vai pagar o reajuste de aprovado pela Assembleia Legislativa do Paraná e já sancionado pelo governador Beto Richa.

Com informações da repórter Joyce Carvalho.