Cesar Brustolin/SMCS
Vitória Holmann, de 5 meses, recebe a vacina.

Em balanço parcial, divulgado ontem, pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), foram vacinadas no último sábado, durante a primeira etapa da campanha de Vacinação contra a Poliomielite, nos oito mil postos de saúde do Paraná, 737.986 crianças menores de cinco anos. Esse total representa 81% da meta estadual que é de vacinar 900 mil crianças. O número total da vacinação será divulgado hoje.

No ano passado, na primeira etapa, 859.024 mil crianças foram vacinadas, atingindo a maior meta brasileira.

Em Curitiba, segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a meta era vacinar 95% das crianças nessa faixa etária, ou seja, 124 mil. No primeiro balanço parcial, divulgado ainda no sábado, 34.684 menores, 28% da meta, já haviam recebido as gotinhas.

Na campanha do ano passado Curitiba alcançou uma cobertura de 96,9%. O balanço final do município também será divulgado hoje.

Nacional

No Brasil, o primeiro balanço parcial divulgado pelo Ministério da Saúde mostrava que haviam sido vacinadas mais de 6,8 milhões de crianças, ou seja, 40%. A meta nacional era vacinar, pelo menos, 95% das 17 milhões de crianças menores de cinco anos.

As informações foram colhidas nas secretarias estaduais de Saúde até as 17h de sábado pela Secretaria de Vigilância em Saúde. Segundo a assessoria de imprensa do ministério, novos dados começam a ser repassados somente nesta segunda-feira. A primeira parcial supera os resultados colhidos em 2005, quando o primeiro levantamento da campanha, feita em 11 de junho, apontou a imunização de 25,78% das crianças brasileiras entre zero e 5 anos de idade.

A vacinação contra a paralisia infantil ou poliomielite é feita no País já há 26 anos, apesar de há 17 anos não haver registro de casos da doença. No Paraná, o último caso registrado foi em 1986.

Em Curitiba, desde 1985 não há casos. A segunda etapa da campanha de vacinação acontece em agosto, em todo o Brasil.