Morreu na manhã de ontem, em Curitiba, o empresário Ivo Leão Neto, 55 anos, presidente do Grupo Leão Júnior. A causa da morte de Ivo, que há duas décadas dirigia a líder nacional de chás, foi causada por problemas cardíacos. Na última terça-feira, ele sofreu um infarto, foi hospitalizado e liberado. Ontem, novas complicações cardíacas causaram sua morte, em sua residência, na capital paranaense. Ivo era divorciado e deixou dois filhos. O sepultamento do empresário será hoje, às 10h, no Cemitério Municipal São Francisco de Paula.

Além de presidir o Grupo Leão Júnior, o empresário também era presidente da Associação Brasileira de Fabricantes de Chás. Segundo a A/C Nielsen, a Leão Júnior é líder nacional no mercado de chás secos (61%) e líquidos (44%). As linhas de produção da Leão Júnior concentram-se em três unidades localizadas em Fernandes Pinheiro (PR), Curitiba e no Rio de Janeiro.

Este ano a Leão Júnior pretende investir R$ 600 mil em novos produtos e redesign de embalagens. Entre as novidades, destacam-se a linha de Chás Mistos (Boa Noite, Bem-Estar, Boa Forma e Chá do Bebê), a remodelação das embalagens da Linha Premium e o novo “Chimarrão dos Pampas”. A nova linha de chás ampliará a linha seca da Leão Junior, enquanto que o Chimarrão dos Pampas terá como maior diferencial a qualidade – garantida pela predominância das folhas verdes sobre os talinhos.