Américo aponta a marca deixada pelo
alagamento de anteontem na Fazendinha.

Moradores da Rua João Caxambu, no bairro da Fazendinha, tiveram suas casas alagadas anteontem, depois da forte chuva que caiu em Curitiba. O problema seria decorrente da nova tubulação de esgoto que a Sanepar instalou no local há cerca de dois anos. Segundo a comerciante Maria Terezinha Godói, no fim da tarde de quarta-feira, a água invadiu sua casa, molhou móveis e eletrodomésticos, causando prejuízos e transtornos. “Chegou a ficar com um metro de água”, conta. “Em vinte minutos alagou tudo. Além desse cheiro horrível, ainda tem o perigo de doenças.”

O pai de Maria, Américo Vieira, diz que o problema vem se repetindo desde que a rede de esgoto foi trocada. “Colocaram uma tubulação de 100 mm que não dá conta de toda vazão aqui”, critica. “Aí vaza tudo e sobra pra gente que paga imposto, paga IPTU.”

A operação da Sanepar teria aumentado mensalmente em cerca de R$ 40,00 a conta dos moradores. “Cobraram a mais por esse serviço ruim”, queixa-se Américo.

Resposta

A Sanepar, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que uma equipe foi mandada ao local para estudar o caso. Até o fim da tarde de ontem, no entanto, o resultado da visita não tinha sido divulgado.