Moradores do Boqueirão que podem ter suas casas demolidas fizeram ontem mais uma manifestação na frente da prefeitura de Curitiba. Eles pedem a regularização das residências. São proprietários de terrenos que têm várias casas no mesmo imóvel, construídas ao longo das últimas três décadas. Parte dos moradores recebeu notificações administrativas e alguns casos já estão na Justiça. A situação foi mostrada pela Tribuna no dia 23 deste mês.

A polêmica é motivada pela lei de zoneamento. Os moradores alegam que houve alterações para que o Boqueirão fosse considerado área de serviços. E, por isso, não podem ter as casas demolidas. Enquanto isso, a prefeitura alega que a região sempre foi denominada de serviços.

“Ninguém conseguiu nada na prefeitura”, conta o morador Carlos Antônio Modesto Dias, já notificado judicialmente. Ele tem até dezembro para regularizar as quatro casas e o salão de beleza em seu terreno.