O Ministro Gilmar Mendes colocou fim à discussão sobre o feriado do Dia da Consciência Negra, que seria comemorado nesta quarta-feira (20), em Curitiba.

A Câmara Municipal de Curitiba havia feito um pedido para que o feriado valesse em Curitiba, mas o ministro negou apoiando-se na falta de informações para julgar o pedido do órgão.

O caso

Na véspera do Dia da Consciência Negra, a Câmara de Curitiba tentou a última cartada para derrubar a liminar que suspendeu o feriado em homenagem a Zumbi dos Palmares. O presidente da Casa, vereador Paulo Salamuni (PV), chegou a ir até Brasília para se reunir com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes.