Pais e responsáveis por crianças menores de cinco anos e em atraso com alguma vacina oferecida pela rede pública de saúde devem comparecer à Campanha de Atualização Vacinal. Dezoito unidades da rede municipal de saúde estarão abertas hoje, das 8h às 17h, especialmente para a largada da Campanha Nacional de Atualização Vacinal. A ação será retomada na segunda-feira e se estenderá até sexta-feira, no horário normal de funcionamento das 109 unidades básicas, para receber todas as crianças.

O objetivo é fazer as famílias manterem o esquema vacinal em dia principalmente durante os cinco primeiros anos de vida. “Existe a tendência de a cobertura cair à medida que as crianças crescem e demandam menos os serviços de saúde do que os bebês. Queremos melhorar isso e a campanha nacional de atualização vacinal é uma excelente oportunidade”, diz a secretária municipal da Saúde, pediatra Eliane Chomatas.

Criança maior, cobertura menor – Segundo estudo feito com 2.637 crianças nascidas em Curitiba em 2002, menos de 1% apresentam atraso no calendário vacinal nos dois primeiros meses de vida. A taxa sobe para 11% quando a vacina em questão é a Tríplice Viral, aplicada aos 12 meses, e aumenta para 30% para a dose de reforço.