O protesto de Norberto Palhano,
ontem na XV.

Aproveitando o período de campanha eleitoral, o rio-negrense Norberto Palhano, de 49 anos, subiu, ontem à tarde, num poste do calçadão da Rua Quinze de Novembro, esquina com a Barão do Rio Branco, no centro de Curitiba, para manifestar sua indignação com a política praticada no País. Segundo a Polícia Militar, o manifestante acabou detido porque estava causando tumulto.

Os policiais decidiram encaminhá-lo ao CPM (Centro Psiquiátrico Metropolitano) para triagem. De acordo com informações do CPM, Norberto foi liberado e, logo após sua passagem pelo local, foi levado pela Polícia Militar à Rodoferroviária, para que viajasse de volta a Rio Negro.