Serviços de limpeza, manutenção e pequenas reformas nos túmulos dos cemitérios municipais de Curitiba – Água Verde, Santa Cândida, Boqueirão e São Francisco de Paula – poderão ser feitos até quinta-feira próxima. Depois, os cemitérios serão fechados para que as equipes da Prefeitura façam a manutenção e os preparativos para o Dia de Finados, 2 de novembro. “O prazo evita atropelos, e também dá tempo para que a Prefeitura prepare os cemitérios antes de Finados”, diz o diretor de Serviços Especiais, Augusto Canto Neto.

Antes de qualquer intervenção nos túmulos, é bom consultar a administração dos cemitérios onde os serviços serão feitos. Pinturas e pequenas reformas só podem ser feitas com autorização prévia do Departamento de Serviços Funerários. Nestes casos, basta apresentar o título de concessão do lote junto com um documento que comprove o parentesco com o falecido. Terceiros devem ter autorização formal da família.

A expectativa é de que 100 mil pessoas visitem os cemitérios públicos da capital neste feriado de Finados, onde existem cerca de 45 mil sepulturas. Tradicionalmente, os túmulos mais visitados são os de Maria Bueno (Cemitério Municipal) e Maria Polenta (Água Verde), a quem os fiéis atribuem milagres. No Cemitério Municipal Água Verde estão sepultados o artista Poty Lazzarotto, o escritor Paulo Leminski e Zilda Arns, que faleceu ano passado vitima do terremoto do Haiti.