enkontra.com
Fechar busca

Paraná

Grupo de índios bloqueia ponte entre Paraná e MS

Eles protestaram por melhores condições de vida e moradia

Cerca de cem índios fecharam na manhã de hoje a ponte Ayrton Senna, na BR-163, que liga os Estados do Paraná e Mato Grosso do Sul, em protesto por melhores condições de vida e moradia.

As duas pistas da rodovia foram completamente interditadas por galhos e troncos de árvores desde as 8h.

A ponte, que fica no município de Guaíra (a 680 km de Curitiba) e atravessa o rio Paraná, é utilizada especialmente por carros e ônibus com destino ao Paraguai.

Pela manhã, a fila de veículos chegou a 30 km. À tarde, com a continuidade do protesto, os automóveis e vans passaram a recorrer à balsa que atravessa o rio Paraná, e apenas os caminhões maiores permaneceram parados.

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), a fila era de 10 km por volta das 15h30.

Os índios são de aldeias da região de Guaíra e sua principal reivindicação é a construção de uma escola para atender a essa população.

O grupo reivindica a presença de um membro do Ministério Público Federal para negociar a reabertura da ponte. Um procurador estava a caminho do local.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas