O feriado prolongado começou, no Paraná, com muitos acidentes nas rodovias federais e estaduais. O motivo principal foi a chuva. Na BR-376, foram registrados pelo menos sete acidentes. Dois deles, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), atrapalharam o movimento, mas não fizeram vítimas: na serra, um carro rodou e ficou atravessado por alguns minutos na pista sentido praias; no sentido Curitiba, foi um caminhão que fez um ?L? e trancou a passagem dos carros. Já a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), registrou um total de 26 acidentes.

O mais grave dos acidentes nas rodovias estaduais foi na PR-483, quilômetro 8, em Francisco Beltrão. Segundo a PRE, por volta das 4h15, um Palio chocou-se com um caminhão Scania 111, que estava parado, quebrado na pista. No carro estavam cinco jovens, entre 17 e 22 anos. Três morreram na hora, dois rapazes, um de 19 outro de 20, e uma garota de 17 anos. Os outros dois, de 17 e 22 anos, ficaram gravemente feridos e foram encaminhados para um hospital da região. A polícia não divulgou os nomes.

Também nas primeiras horas do feriado de Nossa Senhora Aparecida, um motorista perdeu a vida nas estradas que cortam Curitiba. No quilômetro 129,8 da rodovia BR-476, bairro Guabirotuba, o Fiat 147, placa AEL-4801, foi encontrado caído numa pequena ribanceira à margem da rodovia, sentido sul. Pelas evidências, o carro capotou e o condutor do veículo, identificado como Claudeir dos Santos Gomes, foi jogado para fora do Fiat. O corpo do motorista foi localizado a alguns metros distante do veículo. Não foram encontradas testemunhas do fato. O acidente, atendido pela PRF, provavelmente aconteceu durante a madrugada, mas o carro foi achado apenas ao amanhecer. O Siate compareceu ao local, entretanto os socorristas só puderam constatar a morte e acionar o Instituto Médico-Legal (IML).

Até o final da tarde de ontem, a PRF ainda não tinha um balanço total dos acidentes do primeiro dia de feriado.