Foto: Fábio Alexandre

Agentes vendem as ?raspadinhas?.

Os cartões antigos do Estacionamento Regulamentado (EstaR), preenchidos à caneta, ainda podem ser usados até amanhã. Depois disso, não serão mais aceitos. A troca dos cartões antigos pelos do tipo ?raspadinha? começará na sexta-feira. Serão trocados blocos inteiros e também cartões avulsos. Os agentes do EstaR não farão a troca na rua.

A Diretran/Urbs, empresa municipal que gerencia o trânsito e o transporte coletivo na cidade, tem três endereços de troca à disposição dos motoristas: posto da Urbs na Rua da Cidadania Matriz (Praça Rui Barbosa), na central de atendimento da Diretran (Rua Benjamin Constat, 157, centro) e no setor de atendimento do EstaR, no bloco ferroviário da estação rodoferroviária (Avenida Affonso Camargo, 330, Jardim Botânico). O atendimento é feito nos dias úteis, das 8h30 às 17h.

Infração

Da mesma forma que o estacionamento sem cartão nas áreas de EstaR, o uso do cartão antigo resultará na emissão de aviso de infração, que pode ser regularizado em até cinco dias corridos. A regularização custa R$ 10, e pode ser feita na sede da Urbs ou com os agentes de trânsito. Ao fazer o pagamento, o motorista recebe novo talão, que deve ser deixado sempre dentro do carro para evitar esquecimentos e novas infrações.

O cartão-raspadinha é vendido desde janeiro pelos agentes do EstaR e nos 34 pontos de venda cadastrados, como papelarias e lanchonetes, nas ruas com o estacionamento rotativo.

Leia mais:

Diretran prorroga prazo para uso do cartão antigo do EstaR
Urbs implementa novo cartão de EstaR