Mais três empresas foram autuadas pela Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-PR) por vincularem seus salgadinhos ao consumo de bebidas alcoólicas. Em janeiro último, a Elma Chips foi autuada por colocar a foto de uma garrafa de cerveja na embalagem do salgadinho Agito. O Procon-PR multou-a em R$ 2 milhões. A empresa recorreu, mas a multa foi mantida.

O coordenador do Procon-PR, Algaci Túlio, informou ontem que o secretário de Estado da Justiça, Aldo Parzianello, é quem vai definir se a Elma Chips terá ou não que pagar a multa. “Pelo processo administrativo, a empresa deve pagar. Estamos encaminhando ao secretário, que decidirá se cobrará a mesma multa, reduzirá o valor ou não cobrará”, explicou Túlio.

O Procon-PR também encontrou imagens de copos com cerveja ou chope em embalagens de salgadinhos das marcas Dori Produtos Alimentícios, Dr. Otker e Lucky. “Elas foram autuadas e terão que retirar o produto das prateleiras dos mercados e mudar as embalagens. Elas também serão multadas. A Lucky, que produz o salgadinho Torcida, já recebeu a multa de R$ 1.064.000,00”, explicou.

A Cinemark Brasil S.A., empresa que administra as salas de cinema do Park Shopping Barigüi, também foi autuada por vincular publicidade da cerveja Nova Skin nos pacotes de pipoca das salas. “Eles estão no período para se defender, mas devem ser multados em R$ 300 mil”, destacou Túlio, explicando que o Procon-PR vai combater todo tipo de vínculo de álcool com produtos que são vendidos a menores.