A Diretoria de Trânsito (Diretran) da URBS, empresa municipal responsável pelo gerenciamento de trânsito e transporte de Curitiba, planeja acabar com as conversões perigosas à esquerda nas avenidas de Curitiba por onde passam os ônibus biarticulados. São cruzamentos com risco de acidentes porque os motoristas atravessam o caminho dos ônibus sem condições adequadas de segurança.

A primeira mudança acontecerá na esquina da avenida República Argentina com a rua João Palomeque, no Novo Mundo. Outros cruzamentos da República Argentina também passarão pela mudança, até o fim do ano. Na seqüência, serão proibidas algumas conversões à esquerda nas avenidas Paraná e João Gualberto (eixo norte da linha Santa Cândida/Capão Raso), Winston Churchill (eixo sul das linhas do Pinheirinho) e Marechal Floriano Peixoto (eixo Boqueirão).

"O objetivo é deixar o trânsito mais seguro. Estamos planejando cada proibição com muito cuidado. Elas serão feitas de forma gradativa, sempre com a orientação dos motoristas no local após cada mudança", afirma a diretora de trânsito Rosângela Battistella.

As mudanças também vão reduzir congestionamentos nestes locais, porque o motorista tem que esperar no meio do cruzamento pela passagem dos ônibus. Com a proibição de conversão à esquerda, na maioria dos casos, será preciso fazer um trajeto alternativo, com o desenho de uma letra "P": o carro anda uma quadra à frente e vira à direita três vezes seguida para pegar a rua onde originalmente entraria à esquerda.