O dia foi de muita animação, ontem, para cerca de cem crianças internadas no Hospital de Clínicas (HC) de Curitiba. Por iniciativa da Comissão de Recreação e Cultura da entidade, elas participaram de uma celebração de Páscoa, que teve como tema a paz mundial.

Muitos pequenos pacientes foram autorizados pelos médicos a sair dos quartos e descer até o saguão do hospital para participar de um culto ecumênico. Durante a celebração, eles puderam assistir a apresentações de músicas sacras e corais infantis. Quem não pôde deixar o quarto recebeu a visita de dois coelhinhos da Páscoa, interpretados pelos irmãos Queirolo. Eles distribuíram balas e chocolates às crianças.

A presidente da Comissão de Recreação, Maria Inês Borges da Silveira, conta que as comemorações no hospital costumam ser realizadas em todas as datas festivas e contribuem com a recuperação das crianças adoentadas. “Nossa intenção é levar amor aos pequenos pacientes e evitar que eles fiquem entediados no hospital. Isso contribui para que eles se recuperem mais rápido”, afirma.

Pais

Os pais das crianças internadas aprovam a iniciativa da Comissão. “As comemorações contribuem para que o tempo passe mais rápido no hospital. Minha filha se alegra e não vê o hospital como um lugar ruim”, diz a dona de casa Antônia Soares, mãe da pequena Sheila, de 4 anos.

Já a dona de casa Ana Célia Kawa, mãe de Gabriel, de 5 anos, acredita que o trabalho da comissão contribui para que o filho fique mais disposto e se cure mais rápido. “É muito bom para ele poder sair do quarto e se distrair um pouco”, declara. (Cintia Végas)