O prefeito de Curitiba, Beto Richa, assinou ontem contratos de financiamento para atuação em seis áreas de ocupação irregular, com atendimento a 1.892 famílias. Os recursos para obras somam R$ 25,8 milhões e virão do programa Pró-Moradia, do governo federal, e do município. O novo contrato prevê atuação nas Vilas Unidos do Umbará, Pantanal, Torres 2, Menino Jesus, Nori e Três Pinheiros.