Uma balsa utilizada nas obras de ampliação do Terminal de Contêineres do Porto de Paranaguá (PR) afundou na madrugada deste sábado (22), após ser atingida por ondas causadas por uma rajada de ventos de 80 quilômetros por hora. Segundo a administração do terminal, o tanque do guindaste e outros motores da balsa tinham cerca de 1,2 mil litros de óleo, mas não há risco de vazamento.

 

“Equipes de emergência foram acionadas imediatamente, barreiras de contenção foram colocadas no mar, nas imediações do acidente, para prevenir possíveis vazamentos de óleo. Mergulhadores foram contratados e já fizeram a análise da situação debaixo d’água e afirmaram não haver risco de vazamento”, informou, em nota.

 

Segundo a administração do terminal, as ações ocorrerão agora em duas etapas: a retirada do óleo que está nos equipamentos e o resgate da balsa e do guindaste do mar. Não há prejuízo na navegação e as obras de ampliação do terminal seguem normalmente.