A Rua Barão de Antonina, no bairro São Francisco, em Curitiba, ficará totalmente interditada de três a cinco dias por conta de obras na tubulação de esgoto e de galerias pluviais.

Ontem, por volta das 8h, um trecho de asfalto cedeu e “engoliu” um caminhão carregado com 270 galões de 20 litros de água mineral. Ninguém ficou ferido. O trecho fica entre as ruas Trajano Reis e Duque de Caxias.

O motorista do caminhão, Edgar Pedroso de Andrade, contou que chegava para descarregar alguns galões em um estabelecimento próximo e, ao manobrar o veículo, sentiu que o chão estava afundando.

“Imediatamente saí do caminhão, sinalizei a pista para evitar outros acidentes e entrei em contato com a Diretran (Diretoria de Trânsito de Curitiba). Foi um susto”, afirmou.

Na manhã de ontem, o caminhão, que estava com a roda traseira inteira dentro do buraco, ameaçava tombar. Agentes da Diretran, policiais militares e funcionários da prefeitura se encontravam no local para tentar resolver a situação e evitar que curiosos se aproximassem demais do veículo, colocando em risco a própria integridade física. Nas áreas próximas ao buraco, os trechos de asfalto apresentavam pequenas rachaduras, também dando a impressão de que poderiam ruir.

Segundo o gerente técnico da administração regional matriz da prefeitura, Márcio Tancon, o local onde a pista cedeu é uma região de rede de esgoto e passagem de águas pluviais, que geraram uma erosão.

Por se tratar de uma tubulação antiga, de pedra, demandará tempo para trocar por outra de concreto. “Provavelmente a erosão deve ter ido se formando aos poucos. Porém, só foi possível percebê-la quando o asfalto cedeu em função do peso do caminhão”, disse.

Trânsito

Quem trafegar pela Barão de Antonina deve ficar atento nos próximos dias. O trânsito será desviado por ruas próximas, como Duque de Caxias e Senador Xavier da Silva. Agentes da Diretran estão no local para orientar os motoristas.