Começa hoje, em todo o País, a Campanha Nacional de Vacinação do Idoso. No Paraná, estima-se que mais de 8,4% da população têm acima de 60 anos e a meta no Estado é vacinar mais de 70% desse total. Portanto, com um milhão de doses distribuídas pelo Ministério da Saúde, cerca de 610 mil velhinhos devem ser imunizados contra gripe até o próximo dia 4, nos 2.320 postos de saúde.

Em Curitiba, a abertura oficial da 9.ª Campanha de Vacinação será às 10h, na Boca Maldita. Uma tenda montada no local, além de todas as unidades de saúde, terão a vacina. A meta do município ?é ultrapassar a cobertura vacinal de 90%?. De acordo com o último Censo, em Curitiba, mais de 133 mil pessoas têm 60 anos ou mais.

De acordo com o Ministério da Saúde, ?a meta do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde é vacinar mais de 11 milhões de idosos nas duas semanas de vacinação, o que representa mais de 70% da população nesta faixa etária?, diz o ministro José Gomes Temporão. Para todos os estados e municípios, o governo federal distribuiu pelo menos 20 milhões de doses da vacina contra a gripe, além de quatro milhões de doses de imunizante contra difteria e tétano, para os que não estiverem com essas vacinas em dia.

Beijão

Ontem, na cerimônia de lançamento da campanha, no calçadão de Copacabana, Temporão recebeu um beijo na boca da atriz Dercy Gonçalves. Temporão disse que o governo federal gastou R$ 135,4 milhões na aquisição das vacinas – produzidas pelo Instituto Butantan – e R$ 5,4 milhões na campanha publicitária. Mais R$ 4,9 milhões foram repassados aos estados e municípios para despesas com combustível e alimentação dos 250 mil técnicos e profissionais de saúde envolvidos.