O Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen) divulga hoje (9) o resultado do exame que vai identificar qual dos quatro tipos de dengue foi contraído por uma mulher que morreu esta semana em Campo Mourão. Há suspeita de que tenha sido dengue hemorrágica, doença que não é registrada no Paraná desde 2003, quando ocorreram quatro casos e duas mortes.

A Secretaria da Saúde divulgou um boletim informando que os números da dengue no Estado estão estacionados. Até o dia três deste mês, data do último balanço, ocorreram 849 casos, sendo 780 autóctones (contraídos no Estado) e 69 importados.

De acordo com a Divisão de Controle de Doenças Transmissíveis por Vetor da Secretaria da Saúde, um maior número de casos foi registrado nas cidades de Foz do Iguaçu, Paranavaí e Sarandi, com 362, 118 e 110 casos respectivamente.

A secretaria está divulgando informações para tranqüilizar a população. Segundo a Secretaria, ela chegou à cidade paranaense infectada pelo vírus, que teria sido contraído no Mato Grosso.