O Tesouro Nacional emitiu, nesta terça-feira (03), no mercado internacional US$ 500 milhões do Global 2017. O título, segundo nota divulgada esta tarde sobre a operação, foi emitido com taxa de retorno para o investidor (yield) de 5,888% ao ano. O papel foi vendido com cupom de juros de 6% ao ano e spread (diferença) de 122 pontos-base acima da taxa dos títulos do Tesouro dos EUA (Treasuries) com vencimento em 2017. A emissão, liderada pelos bancos Morgan Stanley e Merril Lynch, foi colocada ao preço de 100,796% do valor de face.

Os recursos entrarão para as reservas internacionais do País no dia 11 de abril, quando será feita a liquidação financeira da operação. O papel tem cupom de juros que serão pagos nos dias 17 de janeiro e 17 de julho de cada ano até o seu vencimento em 17 de janeiro de 2017.

O Tesouro, nessa operação, conta com a prerrogativa de dar seguimento à emissão no mercado asiático com um volume adicional de até US$ 25 milhões vendendo ao preço obtido na oferta de hoje nos mercados europeu e norte-americano.

O anúncio da decisão sobre a emissão na Ásia ocorrerá "oportunamente", antes da abertura do mercado asiático nesta quarta-feira.