Nilmar estendeu sua permanência no Corinthians: fica até dezembro, e não mais até julho, como previa seu contrato. O acordo foi selado à noite, após reunião com a diretoria em um hotel na região da Avenida Paulista.

O acerto coloca um ponto final em uma batalha jurídica que ele travava com o clube. O Corinthians havia conseguido uma liminar no Tribunal Regional do Trabalho que estendia o vínculo com Nilmar até dezembro. O jogador e seu empresário, Orlando da Hora contestavam a liminar.

Com o acerto feito na noite de quinta, a diretoria admite retirar a ação da Justiça. Isso seria feito na segunda-feira, segundo o próprio jogador.

?E nada impede que eu renove com o Corinthians depois de dezembro?, disse Nilmar. ?Nunca quis sair do clube.

O atacante, que rompeu os ligamentos do joelho direito durante o clássico com o Palmeiras, no mês passado, garante que estará pronto para jogar em, no máximo, mais quatro meses. Ou seja: teria de setembro a dezembro para mostrar seu futebol no Corinthians. ?Em cinco meses, contando a partir da lesão [dia 3 de março], estarei pronto para jogar?, disse.

Nilmar garantiu que o Corinthians não lhe deve nada em salários ou direitos de imagem. Ele tem feito tratamento diariamente no Parque São Jorge. O jogador já havia rompido os ligamentos do outro joelho, em 2006, também em um clássico contra o Palmeiras.

Nilmar está com 22 anos e foi fundamental na conquista do Campeonato Brasileiro de 2005.