O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, afirmou que quer dar “um grande abraço” na cidade de Paris e mostrar a solidariedade do povo norte-americano aos franceses depois dos atentados que mataram 17 pessoas na semana passada.

Kerry chega a Paris de Sofia, na Bulgária, onde disse que sua viagem não é um pedido de desculpas da administração Obama por não ter enviado nenhum oficial de alto escalão para a manifestação de domingo. “Eu não tenho nenhuma outra exigência além da continuidade da nossa amizade e responsabilidades como bons amigos. A França é o nosso aliado mais antigo e por isso que eu vou até lá”, disse.

O secretário de Estado visita Paris após passar por Alemanha, Índia, Paquistão, Índia, Suíça e Bulgária. A parada na França não estava prevista, e foi anunciada na segunda-feira. Fonte: Associated Press.