O vírus H729 da gripe aviária se espalhou para uma nova província da China neste domingo. A imprensa oficial chinesa informou que dois casos foram registrados em moradores da província central de Henan, a oeste da região onde a doença começou. “Dois novos casos de infecção pelo vírus H7N9 foram registrados na província de Henan neste domingo”, afirmou a agência de notícias estatal Xinhua.

Até sábado, 06, quando um caso foi registrado em Pequim, todas as outras infecções haviam ocorrido nas cidades de Xangai e nas províncias de Zhejiang, Jiangsu e Anhui, no leste do país. Ao todo, 51 pessoas já foram infectadas e 11 morreram pela doença desde que as autoridades chinesas anunciaram há duas semanas a primeira ocorrência de infecção do vírus H7N9 em humanos.

Os especialistas temem que o vírus possa adquirir uma forma facilmente transmissível entre humanos, o que teria o potencial de causar uma pandemia. Mas a Organização Mundial da Saúde afirmou na semana passada que ainda não há evidências de transmissão do vírus da gripe aviária entre humanos.

As autoridades chinesas afirmaram que não sabem exatamente como o vírus está se espalhando, mas a principal possibilidade é de que ele esteja sendo transmitido de aves para humanos. A China informou que espera ter uma vacina contra o vírus pronta para uso em sete meses. As informações são da Dow Jones.