A Tokyo Electric Power (Tepco) espera começar a operar totalmente um novo sistema de descontaminação de água na usina Daichii, em Fukushima, nesta sexta-feira, dois dias depois do previsto em seu cronograma original, informou a companhia, segundo a agência de notícias Kyodo.

O sistema de tratamento deve retirar materiais altamente radioativos da grande quantidade de água acumulada nas instalações da usina, e o material pode ser reciclado e usado para resfriar os reatores danificados. A operação ideal desse sistema é considerada crítica para o controle da crise, iniciada com o terremoto e o tsunami em 11 de março.

A Tepco luta para evitar que a água contaminada se espalhe mais. Há o temor de que essa água com radiação acabe poluindo o oceano e o solo da região. Hoje, a empresa anunciou que testou com sucesso parte do novo sistema de tratamento de água. As informações são da Dow Jones.