O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ordenou ao Pentágono que desenvolvesse planos para criar uma nova Força Espacial, que se submeterá à Força Aérea do país. Ao assinar um decreto que pede pela criação, Trump disse que o espaço é o “futuro” e o “próximo passo” a ser dado pelo país. “Temos de estar preparados”, comentou o líder americano, ao lado do vice-presidente dos EUA, Mike Pence, e do secretário interino de Defesa, Patrick Shanahan.

Inicialmente, Trump queria que a Força Espacial fosse “separada, mas igual” a outros serviços militares. A proposta atual não contempla esse objetivo e enfrenta algum ceticismo no Congresso. Se aprovada pelo Legislativo, a Força Espacial fará parte da Força Aérea, assim como o Corpo de Fuzileiros Navais integra a Marinha americana, e teria um subsecretário que precisaria ser confirmado pelo Senado. Seria o primeiro novo serviço militar uniformizado do país desde 1947, quando a Força Aérea foi criada após a Segunda Guerra Mundial. Fonte: Associated Press.