Um terremoto de 6,2 graus na escala Richter atingiu hoje o noroeste da China. As autoridades locais buscam avaliar os possíveis danos na região, que concentra várias unidades de mineração. Ainda não há informações sobre possíveis vítimas. O epicentro do tremor, que foi sentido por volta das 9h50 (hora local), foi localizado a 165 quilômetros a nordeste da cidade de Golmud, na província de Qinghai, segundo a Pesquisa Geológica dos Estados Unidos. O tremor ocorreu a uma profundidade relativamente pequena, de 10 quilômetros.

A localidade de Golmud, situada no extremo norte do platô Qinghai-Tibete, tem uma população de cerca de 3 mil moradores permanentes, mas até 8 mil migrantes são empregados na mineração local. Na vizinha Dachaidan – onde moram 15 mil pessoas – as autoridades estão avaliando os possíveis estragos, especialmente nas instalações de mineração na região montanhosa, segundo informou uma autoridade local. As informações são da Dow Jones.