Um suicida matou um policial e feriu dois na província da Ossétia do Norte, no sul da Rússia, informou Aslan Dzgoyev, porta-voz do Ministério do Interior na região.

Segundo ele, o suicida se explodiu num posto de verificação policial na periferia da capital, Vladikavkaz. Ele estava acompanhado por outros dois homens. Um deles foi capturado depois de ter sido ferido pelos disparos dos policiais. O outro escapou.

A Ossétia do Norte e outras regiões do Cáucaso do Norte têm registrado vários ataques suicidas e aumento da violência resultantes de duas guerras separatistas na Chechênia. O cenário é agravado por reclamações de abusos cometidos por policiais. Um líder rebelde checheno assumiu a responsabilidade pelo ataque suicida no metrô de Moscou em março, que matou 40 pessoas.