enkontra.com
Fechar busca

Mundo

Senado do México quer abrir setor petrolífero

Uma comissão do Senado mexicano propôs abrir o setor de petróleo do país ao investimento privado. A proposta permitiria ao governo, que controla a atividade petrolífera do México, conceder contratos para exploração e extração de petróleo e gás para gigantes multinacionais, como Exxon e Chevron, o que hoje é proibido pela constituição do país.

De acordo com o projeto, a abertura do setor também permitiria que as empresas privadas listassem as reservas de petróleo em suas demonstrações financeiras. A proposta sugerida pela Senado vai além da apresentada pelo presidente Enrique Peña Nieto, em agosto, que só é permitia a participação nos lucros, mas não nos mecanismos de intercâmbio de petróleo.

A proposta determina ainda que o petróleo é propriedade do Estado mexicano, mas também diz que as mudanças irão permitir investimentos estrangeiros diretos “de até 100% nas atividades de exploração e extração” A constituição iria continuar a proibir concessões de petróleo, considerado a forma mais liberal de acesso das empresas petrolíferas privadas.

Os arranjos que estão na proposta do Senado têm sido proibidos desde 1938, quando o então presidente Lázaro Cárdenas nacionalizou a indústria do petróleo do México. Se aprovado, o projeto do Senado exigiria a mudança de três artigos da constituição mexicana. Fonte: Associated Press.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas