O secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, usou o Twitter para celebrar o endosso de Estados Unidos e União Europeia ao autointitulado presidente encarregado da Venezuela, Juan Guaidó. Almagro disse que as posição americana está “em concordância com o restabelecimento da democracia na Venezuela” e citou as violações dos direitos humanos por parte do governo de Nicolás Maduro.