O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Leon Panetta, chegou hoje a Cabul para uma visita surpresa destinada a revisar o processo de retirada gradual das tropas americanas do Afeganistão, informaram fontes oficiais.

Segundo declarou o porta-voz da presidência afegã, Siyamak Herawi, Panetta se reunirá com comandantes das forças americanas destacadas no país e manterá um encontro com autoridades do governo do presidente Hamid Karzai.

A visita acontece 24 horas depois de tropas da Otan, presumivelmente americanas, terem matado pelo menos 17 civis, incluindo mulheres e crianças, em um bombardeio aéreo no distrito de Barak-e-Barak, na província central de Logar.

O governo de Karzai criticou reiteradamente a morte de civis em operações da Aliança Atlântica, o que aumentou a impopularidade do contingente militar estrangeiro, imerso em um processo gradual de retirada. Esse processo foi iniciado em julho de 2011 e chegará ao fim de 2014, se forem cumpridos os prazos previstos.