enkontra.com
Fechar busca

Mundo

Rússia concede anistia a ativista do Greenpeace

Um dos ativistas do Greenpeace detido na Rússia foi liberado nesta terça-feira após o governo conceder anistia. Cerca de 30 membros da organização foram presos em setembro a bordo de um navio, acusados de cometer pirataria. Eles protestavam contra a instalação de uma plataforma petrolífera no Ártico. Vinte e seis deles eram estrangeiros e não foram autorizados a deixar o país. Contudo, a lei de anistia aprovada na semana passada pelo Parlamento russo deve liberá-los das acusações.

Segundo a porta-voz do Greenpeace, Violetta Ryabko, os investigadores notificaram um dos 30 tripulantes e afirmaram que o seu caso havia fechado. A identidade do ativista não foi divulgada. Segundo a organização, outros membros do grupo receberam notificações similares, que, em breve, podem dar permissão para saírem da Rússia. Fonte: Associated Press.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas