Quatro pessoas sobreviveram à queda de um avião que matou outras 36 nesta segunda-feira no leste da República Democrática do Congo (RDC), informaram autoridades locais. O avião caiu no centro da cidade de Goma, perto do prédio da comissão eleitoral local, mas não há informações sobre vítimas em solo.

A aeronave, um Fokker de propriedade da companhia aérea CAA, transportava 40 pessoas, disse Naasson Kubuya, prefeito de Goma. O voo era procedente de Lodja, na região central do Congo. “O piloto conseguiu desviar das casas”, afirmou Kubuya.

Não há detalhes sobre o estado de saúde dos sobreviventes. As informações são da Associated Press.