O presidente da Rússia, Vladimir Putin, propôs uma reestruturação da dívida de US$ 3 bilhões da Ucrânia com o seu país.

O anúncio surpresa, que foi feito na reunião de cúpula do G-20 na Turquia, pode ser um passo significativo para a estabilidade da Ucrânia, onde forças do governo lutam contra separatistas apoiados pela Rússia no leste no país.

Putin afirmou que discutiu a proposta com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, na manhã desta segunda-feira. O presidente russo afirmou que, em vez do pagamento de US$ 3 bilhões ainda este ano, Moscou estaria disposta a concordar com pagamentos de US$ 1 bilhão por ano no período entre 2016 e 2018.

“Estamos prontos para não receber qualquer dinheiro este ano”, disse Putin, que teria pedido por garantias de pagamento por parte dos EUA e da União Europeia. Fonte: Associated Press.