De acordo com o The Wall Street Journal, o governo do presidente Barack Obama informou que 1,1 milhão de pessoas aderiram ao programa de seguro de saúde, promovido por sistema federal online.

Em comunicado, a administradora para centros de serviços médicos, Marilyn Tavenner, disse que os números refletem uma demanda de última hora. Marilyn também destacou que as inscrições em dezembro foram sete vezes superiores ao apurado em outubro e novembro, já que o sistema online apresentou problemas, o que dificultou o acesso.

A administração Obama admitiu os erros, mas ressaltou que o site suportou 83 mil usuários somente no dia 23 de dezembro. Fonte: Dow Jones Newswire.