enkontra.com
Fechar busca

Mundo

mundo

Primeira-ministra do Reino Unido diz que rejeitar o Brexit seria catastrófico

  • Por Estadão Conteúdo

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, pediu para parlamentares aprovarem o acordo proposto por ela para deixar a União Europeia, e alertou que a fé na democracia estará em jogo. Segundo May, caso a proposta dela seja rejeitada, o Reino Unido corre o risco de não sair da UE. A votação do acordo no Parlamento britânico está marcado para esta terça-feira, dia 15.

Em artigo no jornal “Sunday Express”, May pediu para que os congressistas “façam o que é certo para o país”, porque rejeitar a vontade do povo e não respeitar o resultado do referendo realizado em 2016 seria “uma catastrófica e imperdoável quebra da confiança na nossa democracia”. Ela também acusou o líder da oposição, Jeremy Corbyn, do partido Trabalhista, de estar “mais preocupado com ganhos políticos do que em agir nos interesses do país”.

Caso o acordo seja rejeitado, o Reino Unido também corre o risco de deixar a União Europeia no dia 29 de março sem um pacto para a relação futura entre o país e o bloco. Em dezembro, o acordo seria votado, mas May adiou a votação porque tudo indicava que o Parlamento não o aprovaria.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas