O primeiro-ministro italiano, Mario Monti, convocou uma reunião de gabinete para este domingo para aprovar medidas de austeridade e de crescimento. O escritório de Monti informou em um comunicado que o gabinete, que deveria se reunir na segunda-feira, vai se encontrar ainda neste domingo.

O premiê conversou durante o fim de semana com partidos políticos, sindicatos, grupos empresariais e lobbies de consumidores sobre seus planos. Ele deve falar às duas casas do Parlamento sobre as medidas na segunda-feira.

O chefe do lobby industrial da Itália afirmou no domingo que a sobrevivência do euro depende de a Itália conseguir medidas de austeridade e de crescimento bastante fortes – seguidas por um esforço em toda a Europa para que os sacrifícios italianos não sejam em vão. As informações são da Associated Press.