O governo conservador da Austrália prosseguirá com a legislação para controlar a exportação no gás, de acordo com o primeiro-ministro do país, Malcolm Turnbull.

“Estamos tomando ação imediata para pressionar preços de energia e garantir energia segura e confiável para todos os australianos”, disse Turnbull a jornalistas. “Vamos implementar nossa regulamentação no gás que afeta as exportações… Como um dos fatores que afetam o alto preço da energia no momento de escassez de gás”.

Sob a lei proposta, que ainda tem de ser aprovada no Parlamento, os projetos de gás natural liquefeito que utilizam gás do mercado interno, a fim de cumprir os compromissos de longo prazo no exterior, serão impedidos de exportar uma quantidade de gás que resulte em escassez do combustível na Austrália. Fonte: Dow Jones Newswires.