Um porta-voz do presidente Vladimir Putin afirmou que a piora na relação com os Estados Unidos é um dos maiores desapontamentos do ano para o governo russo. Os laços entre Moscou e Washington atingiram o pior nível desde a Guerra Fria após a Rússia anexar a Crimeia, em 2014, e as alegações de interferência nas eleições americanas de 2016.

Os dois países têm imposto medidas ao longo deste ano, entre elas restrições a diplomatas. Questionado sobre os maiores desapontamentos do Kremlin em 2017, o porta-voz, Dmitry Peskov, disse a repórteres que a piora nos laços com os EUA é “certamente” parte da lista.

Peskov reiterou a posição do governo de que a Rússia quer boas relações com os EUA, baseadas na “confiança e no respeito mútuos”. Segundo ele, porém, é preciso também que Washington queira cultivar essa boa relação. Fonte: Associated Press.