enkontra.com
Fechar busca

Mundo

mundo

Passeata contra Brexit é agendada para amanhã e promete superar a anterior

  • Por Estadão Conteúdo

Com a saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit) no limbo por pelo menos mais uma semana, uma grande passeata está sendo programada para amanhã pelo People’s Vote (Voto do Povo), um grupo que pede a votação pública sobre o acordo final entre as duas partes. A campanha tem sido intensiva nas redes sociais e tido a adesão de celebridades. Quando foi criada, em abril do ano passado, contou com a “propaganda” de membros do Parlamento e do ator Patrick Stewart, entre outros famosos.

“Eles não podem, não devem e não vão forçar esse Brexit quebrado ao povo britânico sem nos dar a palavra final. Chegou o momento em que todos devemos nos levantar e exigir: submeta-o ao povo”, traz o site da instituição, convocação os interessados a participar do movimento a partir do meio-dia de sábado (9h de Brasília). A intenção é que a marcha saia de Park Lane, perto do Marble Arc, e siga até o Parlamento, em Westminter, o coração do poder britânico. O percurso deve ter cerca de quatro quilômetros.

Os organizadores do protesto prometem levar ao centro de Londres 200 ônibus de manifestantes de outros lugares do Reino Unido. A expectativa é ultrapassar a marca de uma passeata realizada em outubro do ano passado, quando se falou da reunião de 450 mil a 700 mil pessoas contra o Brexit e houve a contratação de 105 ônibus. O evento foi considerado a segunda maior passeata do século, perdendo apenas para a “Stop the War” (Parem a guerra), em 2003.

Agora, a ideia é trazer pessoas de cidades que votaram maciçamente a favor da separação no plebiscito de junho de 2016 e que teriam mudado de ideia nos últimos anos. Seriam moradores principalmente de Chesterfield, Doncaster, Lincoln e Peterborough. Um ônibus também deve vir da Escócia. O clima é visto como um fator determinante para a adesão ao movimento de amanhã. Estão previstos discursos ao longo do trajeto, com o ponto alto previsto para as 14h45 (11h45 de Brasília). Haverá também retransmissão do movimento em telões na Trafalgar Square.

Game of Thrones

Uma das “garotas-propagandas” do movimento de amanhã é a estrela da série Game of Thrones, Lena Headey. “Os riscos não poderiam ser maiores. O momento não poderia ser mais urgente”, avalia em um vídeo gravado para a campanha. “Faça sua voz ser ouvida. É agora ou nunca”, continua. O popular locutor da rádio LBC James O’Brien foi outro que aderiu ao movimento de forma ativa. “Eu marcharei no sábado com o People’s Vote por uma simples razão, que á de que ninguém votou para o caos que (o Brexit) está se revelando. E eu temo que se a gente não participar da coisa toda, isso só vai piorar”, argumenta.

O grupo de esquerda anti-Brexit “Outra Europa é Possível” também realizará uma manifestação pouco antes, às 11 horas (8 horas de Brasília) no Stanhope Gate, no centro de Londres. Estão previstos discursos de deputados do Partido Trabalhista (a maior legenda de oposição ao governo).

Na semana passada, a proposta de realização de um novo plebiscito foi rejeitada na Câmara dos Comuns (equivalente à Câmara dos Deputados brasileira) por 334 votos a 85, com a maioria do Partido Trabalhista se abstendo. Uma pesquisa do YouGov mostrou que a opinião pública britânica estava “polarizada em torno do Brexit”.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas