O parlamento da Turquia aprovou um projeto de lei que vai aumentar o poder do governo sobre o Judiciário após uma sessão tensa. A discussão, que durou toda a noite, terminou com dois parlamentares feridos após uma briga. A imprensa turca informou que um dos parlamentares foi hospitalizado com um nariz quebrado e o outro quebrou um dedo.

A lei, que dá ao Ministério da Justiça maior controle sobre um conselho que aponta e supervisiona juízes e promotores, foi aprovada este sábado. O primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan propôs a mudança como forma de lutar contra um escândalo de corrupção envolvendo pessoas próximas a ele.

Erdogan alega que as acusações de corrupção foram uma conspiração orquestrada por seguidores de um movimento islâmico o qual ele insiste que está infiltrado na polícia e no Judiciário. A oposição diz que o projeto, o qual ainda necessita da aprovação do presidente, limita a independência dos juízes. Fonte: Associated Press.