O secretário-geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, disse que o órgão está se preparando para enviar uma delegação ao Peru para seguir os procedimentos de impeachment contra o presidente Pedro Pablo Kuczynski. O presidente do Peru e seus aliados chamaram os esforços do Congresso, controlado pela oposição, como um ataque à ordem democrática do país.

Almagro afirmou, em seu perfil no Twitter, que a delegação iria para o Peru depois de ter recebido o convite de Kuczynski para que observadores da OEA estivessem no país durante o processo de impeachment na quinta-feira. O presidente só será removido do cargo se pelo menos 87 dos 130 deputados votarem a favor do impeachment. Fonte: Dow Jones Newswires.