O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Síria, Jihad Makdissi, disse nesta segunda-feira que o Ocidente está tentando desestabilizar o seu país por motivos geopolíticos e alertou que fornecer armamentos à oposição síria é um “grande erro” que se voltará contra os países ocidentais. Makdissi afirmou que a única saída para o conflito sírio, que já deixou milhares de mortos, é o diálogo e o começo das negociações.

Há quase um ano o governo do presidente sírio Bashar Assad tenta esmagar a revolta, que no início era pacífica, mas que tornou-se uma rebelião violenta quando o regime intensificou sua repressão. Países ocidentais, como os Estados Unidos, condenaram a repressão de Assad e os métodos cada vez mais sangrentos do governo para tentar debelar a revolta. O governo sírio diz que luta contra “gangues e terroristas” armados.

As informações são da Associated Press.